"> O que é e quando surgiu o Cheerlearding?! | Identifique

O que é e quando surgiu o Cheerlearding?!


Cheerleaders Atlética Incendiária 2

Quem gosta dos clássicos filmes da Sessão da Tarde ou acompanha o basquete ou futebol americano já viu as #cheerleaders, em português, líderes de torcida. Elas são moças bonitas que cantam e dançam para animar a torcida e incentivar os jogadores. Elas são super populares nos Estados Unidos, mas, aqui no Brasil muita gente não faz ideia do trabalho que é chegar até esse posto. Você tem curiosidade em saber o que são as cheerleaders? Então está no lugar certo, porque vamos contar cada curiosidade que você nem vai acreditar.

Quando surgiu o cheerlearding?

cheerlearding é um esporte americano criado em 1887 na Universidade de Princenton, no estado de Nova Jersey e o primeiro time de cheerlearding foi a Gamma Sigma  em 1903. 

Inicialmente, somente os homens podiam ser cheerleader, fato que começou a mudar em 1923, devido à falta de atividades esportivas voltadas às mulheres, e principalmente, pelo fato dos homens irem combater na 1ª Guerra Mundial. 

Com a inclusão feminina, o esporte ganhou números de ginástica artística, dança e megafones, elementos que se tornaram nas maiores características.

Por volta de 1948 foram criadas importantes organizações, como a Universal Cheerleaders Association (UCA), que regulamentou o cheerlearding como esporte e também a Associação Nacional de Cheerleaders, fundada por uma ex-cheerleader da Southern Methodist University e por Lawrence “Herkie” Herkimer que teve a primeira turma em 1949 com 52 alunas. 

As primeiras competições de cheerlearding foram em 1983, porém, apenas em 2003 foi fundada a Fundação Nacional de Segurança Cheer o que fez o esporte ganhar regras mais rígidas. 

Essa profissionalização permitiu o cheerlearding estar presente na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Atlanta, no ano de 1996.

Cheerlearding na América do Sul

O cheerlearding chegou ao Chile em 1994 pelas mãos de Rodrigo Anguita e Irma Olvares Cea que implantaram a Cheer Chile, organização que divulgou a prática e treinou milhares de garotas. 

cheerlearding chegou ao Brasil em 2008 por meio da Comissão Paulista de Cheerleading. Aqui, as mulheres são maioria, cerca de 93%, contudo, homens também praticam ocupando principalmente a posição de base, função que consiste em ficar na parte de baixo da pirâmide.

Segundo a União Brasileira de Cheerleaders, são várias equipes cadastradas e distribuídas entre o país. Embora haja muitas equipes, o  cheerlearding no Brasil ainda não é uma prática com regulamentação, ainda que seja reconhecida pelo Comitê Olímpico Brasileiro e pelo Conselho Nacional do Esporte.

Mesmo com pouca estrutura e divulgação, a União Brasileira de Cheerleaders acredita que o esporte “será um dos esportes mais praticados num prazo de 15 a 20 anos”. E não devemos ver isso como exagero, porque o esporte é uma boa ferramenta de inclusão social, visto que é um esporte coletivo, onde homens e mulheres podem participar. Entretanto, o preconceito de alguns homens em acreditarem que cheerlearding “ser uma coisa de menina” é um fator que prejudica a popularização do esporte, afirma o treinador de cheerlearding, Cedrik Willian.

Em 2011, a UBC (União Brasileira de Cheerleading) criou um campeonato nacional para que as equipes brasileiras pudessem competir entre si. A partir daí, o esporte começou a ganhar visibilidade em nosso país e, especialmente nos últimos três anos, vem se popularizando no meio universitário. No estado do Paraná, o crescimento foi ainda mais impressionante que no resto do país: só no ano passado, surgiram 43 novas equipes (WOW!) e hoje existem 19 só na capital, Curitiba!!!


Uniformes de Cheerleaders podem ser encontrados facilmente em várias empresas e a Identifique é uma delas, que oferece muita qualidade e conforto para as meninas e meninos!!!

Venha conhecer os produtos da Identifique, é muita qualidade!!! 

Mostre quem vc é… Identifique, vc com + estilo!

Quer falar com a gente?


Quer pedir um produto com a ID? Ótimo! Só nos ligar ou enviar um email que iremos entrar em contato em breve!